Aprendizagem X Distúrbio do Processamento Auditivo Central (DPAC)

"Mas, afinal de contas, de onde surge o DPAC? Na maioria dos casos, é genética. A falha é hereditária, por issso tanto pais como filhos costumam tê-la. Além disso, alergias respiratórias frequentes até os três primeiros anos de vida da criança e a falta de experiências auditivas na infância também pode ocasionar o distúrbio".


Equipe Biosom, 2014.

O Distúrbio do Processamento Auditivo Central (DPAC) é uma dificuldade de interpretar os sons que ouvimos.

Processar auditivamente um som é decodificar as informações sonoras que chegam ao ouvido externo e caminham até o córtex cerebral, quando ocorre uma falha durante esse processo temos o DPAC, ou seja, o ouvido recebe as ondas sonoras (sons), mas o cérebro não as processa como deveria.

“Quem possui DPAC, Distúrbio do Processamento Auditivo Central vive numa confusão de sons. Atividades simples tornam-se muito complicadas em decorrência da dificuldade de prestar atenção e entender apenas os sons do que realmente interessa. Dentro de uma sala de aula, por exemplo, o barulho do ventilador pode acabar se sobrepondo ao da voz da professora. Falar ao telefone é praticamente impossível, por causa da distorção que o aparelho causa em todas e qualquer ligação”.

Os pacientes muitas vezes são rotulados por desatentos, dispersos, apresentam dificuldades de aprendizagem (especialmente na alfabetização), têm problemas de memória com nomes e números, entre outros.

A dificuldade de entender a entonação das frases (prosódia), também é algo muito conflitante para o paciente em questão, pois uma pergunta pode ser entendida como uma afirmação e uma piada como algo sério, ou seja, a intenção do interlocutor é algo de difícil compreensão para eles.

O exame para detectar esse distúrbio é realizado por fonoaudiólogos especializados e chama-se Exame do PAC. Crucial para a reabilitação do paciente que se enquadre no grupo de risco para DPAC, ou apresente sinais e sintomas do mesmo, o exame fornece um resultado qualitativo e quantitativo das dificuldades.


Fontes: http://www.biosom.com.br http://www.unicap.br/tede//tde_busca/processaArquivo.p?codArquivo=136


Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Nenhum tag.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square